Espaços segregados | 2019 - 2020  

Compensado cru, tinta acrílica, linha chilena e alfinetes | 60cm x 40cm x 3cm [cada peça]

[série em desenvolvimento]

___

Lido com a linha chilena, a versão industrializada da linha de cerol, tão ilegal quanto perigosa, para traçar fronteiras não demarcadas, mas cortantes, que dividem e desenham territórios pelos quais eu circulo, permeio ou atravesso.

Nunca é indolor. 

Encontro ilhas, circundo-as pelo céu, usando imagens de satélite disponíveis na internet.

Exposição Meios e processos, FAMA - Fábrica de Arte Marcos Amaro, Itu - SP.  Fotos: Larissa Camnev