Maré alta | 2020

__

Sentir-se ilhada, precisar ignorar o “entre”, de certa forma temer este intervalo entre os lugares, desconhecer os riscos dos espaços que os permeiam, olhar apenas para a superfície.

3 desenhos digitais realizados a partir de imagens de satélite da minha cidade retiradas do Google Maps. Cada desenho corresponde a uma escala deste mapa, sendo o primeiro, mais aproximado, o entorno imediato da minha casa; o segundo, mais afastado, meu bairro e regiões adjacentes; e o terceiro uma vista mais ampla do tecido urbano. Em cada um destes recortes do mapa pintei de branco e nomeei os locais de extrema necessidade que podiam ser avistados, a começar pela minha casa. Todo o resto foi suprimido com a aplicação de uma cor sólida, um azul escuro, fazendo dos pontos brancos pequenas constelações.

Detalhe [zoom] do trabalho.